realidade virtual sos

Realidade aumentada (RA) ou realidade virtual já faz parte das tendências que influenciam investimentos na área de marketing. Empresas já se movimentam para utilizar esses recursos de forma a oferecer novas interações e possibilidades para os seus clientes.

Simulando ambientes com a realidade virtual

Bons exemplos de marcas que se beneficiam e investem na tecnologia são as que trabalham com decoração e artigos para casas. Elas estão oferecendo ao consumidor a chance de saber se tal produto combina ou não com o ambiente, se ele é do tamanho certo, sem precisar ir até a loja ou confiar apenas na dedução.

A IKEA, empresa internacional de móveis e decoração, investiu forte nesse sentido com seu recente aplicativo, o IKEA Place. Através dele, os usuários podem ver como os produtos da empresa se comportam dentro do espaço de casa, em diferentes lugares e ângulos. Confira uma simulação no vídeo abaixo.

O app escaneia o espaço, espera que o usuário escolha o produto que queira testar e pronto. O próprio celular ou tablet simula aquele objeto no ambiente escolhido na tela do dispositivo. E o melhor é que o usuário não precisa de óculos de realidade virtual para isso, basta ter o aplicativo baixado e funcionando.

Infelizmente, o app da IKEA ainda não está disponível para o Brasil. No entanto, a Tok & Stok criou uma experiência semelhante com o decoRA, seu aplicativo para iOS, que já está disponível no país.

Testando modificações

Outro exemplo do uso de RA que oferece facilidades aos clientes, principalmente durante a tomada de decisão, é da iGUi, empresa de piscinas. O iGUi 3D – 360º é um recurso que a empresa utiliza no pré-venda e facilita a escolha do cliente.

Para que possa visualizar como sua futura piscina ficará em seu quintal, o cliente conta com um óculos de realidade virtual à sua disposição para simular a presença da estrutura em tempo real.

Além de facilitar a escolha do cliente, o processo de instalação e do arquiteto do projeto também ganham. Isso porque a visualização prévia pode prever possíveis problemas para os instaladores, além de ajudar na concepção do projeto do espaço como um todo.

Treinamento de equipe

O Walmart também tem usado recursos de RA, dessa vez em seus centros de treinamento de funcionários nos Estados Unidos.

Em parceria com a startup STRIVR, que já trabalhou com outras grandes empresas em programas semelhantes, o Walmart utiliza a realidade virtual para simular o ambiente real das lojas dentro da sala de treinamento.

Munidos de óculos e de fones de ouvido, os funcionários podem treinar as experiências e situações práticas da profissão antes de partirem para seus postos.

Por enquanto, os dispositivos estão sendo utilizados apenas em centros de treinamento da empresa nos Estados Unidos.

walmart realidade virtual
Recursos de realidade virtual utilizados para treinamento de funcionários. Imagem: reprodução / Casa Mais 360.

 

As expectativas para os investimentos em realidade virtual são bastante favoráveis. Mesmo que as iniciativas não sejam tão visíveis atualmente, até o fim desse ano a tecnologia estará movimentando mais de 11 bilhões de dólares. Até o fim da década, espera-se que esse número atinja os US$215 bilhões.

Vamos ficar de olho para saber como essa tecnologia influenciará a vida das empresas daqui para frente. Se você se interessa por esse e outros assuntos relacionados ao marketing digital, não deixe de acompanhar os canais da Projetual. Sempre tem alguma novidade para conferir por aqui.

 

Por redação Projetual, com informações de PNV.