Você já conheçe o sistema cashless? Essa tecnologia, que traz inúmeros benefícios para vários tipos de eventos já é bastante utilizada lá fora e está conquistando o mercado brasileiro aos poucos.

Assim como outras tecnologias (NFC, QRCode, criptomoedas) que chegaram ao mercado brasileiro e ganharam espaço, com o cashless não seria diferente, ele também está na fila para ser cada vez mais “apreciado” pelo varejo.

O que é a tecnologia de cashless?

Apesar do nome complicado, o sistema busca simplificar! A intenção é eliminar completamente, ou pelo menos diminuir, o uso de dinheiro e cartões de crédito e débito. Para isso, são usados celulares, pulseiras ou cartão RFID.

O cliente pode inserir uma quantidade de créditos/dinheiro que deseja gastar ou ainda fazer a transação direta do seu banco para o banco do estabelecimento comercial. Com as pulseiras RFID, o consumidor apenas precisa aproximá-la do leitor da máquina e o valor é debitado automaticamente na hora.

Com os aplicativos de celular, a ideia é semelhante, sendo que alguns usam tecnologia NFC para fazerem essa transação. O NFC é uma tecnologia sem fio que necessita de hardware especial embutido nos aparelhos, para que eles possam ser utilizados para o compartilhamento de informações.

Veja também: Chatbots – Como contratar uma empresa especializada.

Quais as vantagens do uso da tecnologia de cashless?

Com o sistema cashless em um evento por exemplo, você terá uma super diminuição de filas. Afinal, sem a necessidade de troco e pagamentos com cartões, o tempo de atendimento é diminuído, o que faz com que as filas fiquem menores e traga mais comodidade a quem participa do evento.

Mas a principal vantagem do sistema é a maior segurança dos usuários, diminuindo os casos de roubos e furtos. No caso NFC, por exemplo, o pagamento precisa ser validado, seja via biometria ou senha.

Além disso, em casos de perda das pulseiras ou cartões, é possível fazer a transferência dos créditos para um novo cadastro, diminuindo em muito a dor de cabeça.

Veja também: Fique ligado nas novas formas de pagamentos virtuais.

Lollapalooza Brasil

No Brasil, até o momento, ouve-se falar pouco sobre o cashless, apenas alguns festivais de música, shows, casas de entretenimentos já usam da modalidade, como o caso da organização do Lollapalooza, que utiliza o sistema desde 2017.

O  Lolla Cashless by Next além de permitir a entrada no festival, serve como forma de pagamento para o que você quiser dentro do evento. É só colocar no pulso, carregar com créditos e passar no leitor das máquinas de consumo.

A distribuição da pulseira começa normalmente em fevereiro, um mês antes do festival, e o participante pode escolher entre receber o equipamento em casa ou retirar pessoalmente em um dos pontos de troca. Vale lembrar que a pulseira é o ÚNICO método de pagamento dentro do festival. 

Já deu para notar que a tecnologia cashless veio para revolucionar o mercado de eventos, não é mesmo?Continue acompanhando os canais da Projetual. Além do blog, também temos Instagram e canal no Youtube.

Até a próxima!