Siri, Alexa, Bixby, Cortana… Você provavelmente conheçe algum desses nomes, não é mesmo? As assistentes virtuais estão entre as principais tendências de software da indústria tecnológica, podendo impactar significativamente no marketing de sua empresa. 

Diversos sistemas operacionais já contam com a busca por voz: Android, iOS e Windows têm as suas versões. Porém, eles estão saindo dos PCs e dos smartphones para ganhar a residência dos usuários. Sua empresa está preparada para impactar os clientes dessa maneira?

O que são as Assistentes Virtuais

As assistentes virtuais são os recursos inteligentes que permitem que o usuário se comunique com seus dispositivos por meio de comandos de voz. Nos produtos da Apple temos a Siri; no Android temos o Ok Google; nos itens da Amazon temos a Alexa; nos smartphones da Samsung temos a Bixby; e nos produtos da Microsoft, a Cortana.

Os comandos de voz podem ser utilizados para fazer anotações na agenda, solicitar ligações, verificar o tempo e diversas outras finalidades. Cada vez mais os sistemas inovam e nos surpreendem, funcionando como espécies de secretárias virtuais, facilitando a vida do usuário ao permitir que ele faça ações sem usar as mãos.

Veja também: Mídias sociais – 8 estratégias de marketing que você não deve ignorar. 

Como essa tecnologia impacta desde o marketing até o atendimento ao cliente

As assistentes virtuais chegaram ao mundo para facilitar as experiências dos usuários, garantindo uma vida mais prática e simples. Porém, para as empresas, elas surgem como um novo grande desafio.

Uma vez que essa tecnologia transforma o comportamento do cliente, o marketing digital precisará se adaptar, e rápido! Será importante comportar em seus sites e plataformas buscas via assistentes virtuais. Assim como foi feito no passado, na criação de interfaces mais amigável nos smartphones.

Por exemplo, o uso de chatbots pode ser considerado um presságio das assistentes virtuais. Se o que o usuário busca é facilidade, para que ele possa solicitar uma lista com os restaurantes “perto de mim”, será necessário que seu estabelecimento esteja com o endereço devidamente acessível para os buscadores – o que incluiu CEP e as coordenadas geográficas no Google Maps.

Da mesma forma, uma vez que ele escolha o seu estabelecimento via comando de voz, qual será a resposta que ele obterá ao solicitar uma reserva? Uma mensagem de texto chegará à sua central? Um telefone será realizado? Ou uma reserva será marcada automaticamente via algum sistema específico? As opções são inúmeras, mas em geral entre as empresas brasileiras aquelas que têm alguma alternativa como essas são minoria.

Será preciso investir em dados estruturados para conseguir se destacar em meio às opções existentes nessa nova forma de fazer buscas. Da mesma forma, impactar os usuários em um cenário em que as respostas não são visuais também irá requerer uma boa dose de criatividade por parte dos especialistas.

Ficou preocupado? Precisa de ajuda de uma agência de marketing digital para suas campanhas de relacionamento com o cliente? Entre em contato conosco, nós sempre encontramos a melhor solução para a sua empresa!

Com informações de Nerdweb.