machine_learning

Com o crescimento da internet, o número de informações aumentou exponencialmente, culminando no surgimento do Big Data. Paralelamente a isso, os hábitos de consumo mudaram e a forma de atrair e fidelizar clientes também. Entenda como o Machine Learning pode ajudar o Marketing Digital a melhorar seus processos e resultados.

Mas, o que é o Machine Learning?

É uma forma de inteligência artificial que atribui aos computadores a capacidade de aprender coisas que não foram inseridas no seu código. Isto é, o desenvolvimento de aplicações que as máquinas aprendem sozinhas, a partir da entrada de dados, tomando decisões através dos padrões observados.

Provavelmente você já foi impactado com alguma ferramenta que utiliza Machine Learning. Um exemplo bem comum é o oferecimento de anúncios de acordo com o perfil do usuário. Isto é, se você tem mais inclinação para compras de produtos saudáveis, os anúncios que mais aparecerão como sugestão para você são esses. Isso só é possível através de algoritmos que conseguem mapear o perfil do usuário.

Machine Learning e a Jornada do Consumidor

Um estudo elaborado pelo Google concluiu que nenhuma jornada é igual a outra. Imagine que você quer ter ideias de decoração para a sua casa, você então pesquisa referências e acaba entrando em uma loja de venda de móveis e resolve então comprar um móvel online. Pense que para outra pessoa essa jornada mais linear poderia ter sido diferente.

Seu amigo, por exemplo, poderia ter pesquisado sobre dicas de decoração, entrado na mesma loja online que você, mas não achou os preços atrativos para compra. Logo, resolveu criar soluções de decoração no estilo “Faça Você Mesmo”, até que após alguns meses, através de um e-mail marketing, ele recebe uma promoção daquela mesma loja e decide realizar uma compra.

Cada interação realizada nos canais digitais deixam rastros, sendo possível identificar, pelos passos de navegação dentro de um e-commerce, por exemplo, se aquele usuário está pronto para comprar ou não. E é exatamente aí que entra o Machine Learning, permitindo os sistemas preverem intenções e captarem os comportamentos de cada usuário. Isso tudo através do aprimoramento do aprendizado.

Personalização de Conteúdo

Modelos preditivos podem ser criados através do Machine Learning. Um exemplo é com o histórico de compras do cliente, onde é possível encontrar um padrão de consumo e criar modelos preditivos, capazes de apontar os possíveis próximos produtos a serem consumidos. Assim, se torna fácil personalizar mensagens aos consumidores, como descontos nos produtos apontados nas predições, aproximando o cliente de uma nova compra.

Ajuda na Conversão

Através do Machine Learning as mensagens de marketing conseguem ser muito mais dinâmicas. Além disso, ajuda na retenção de um cliente de forma específica, isso porque processa informações rapidamente, mostrando a hora certa de entrar em contato.

Qualificação de Leads

Um grande problema entre o departamento de Marketing e de Vendas é a classificação de Leads. Muitas vezes os Leads coletados são muitos, mas não estão classificados e o departamento de Vendas fica sem saber quando uma oportunidade está ou não pronta para a próxima etapa do funil de vendas. Com o Machine Learning possibilita forma automáticas de garantir a qualificação de Leads, criando assim oportunidades reais para o Setor de Vendas. Isso aumenta a conversão, além de evitar uma perda de tempo nos processos. Recomendamos, inclusive, a leitura desse texto.

Dicas para o seu negócio se adaptar ao Machine Learning

A adaptação de processos é crucial para que a sua empresa se destaque, em especial no Google, que tem como base o Machine Learning.

Site responsivo

Para um melhor ranqueamento no Google seu site precisa ser responsivo, ter uma ótima interface para smartphones e uma taxa de carregamento alta.

Quanto mais responsivo o seu site for, com um design intuitivo e com tempos rápidos de carregamento, melhor ele estará no ranking do Google, por isso é importante fazer testes e focar bastante na experiência do usuário.

Pesquisa local

É fundamental que você pense na busca inteligente e em otimizar a pesquisa local. Isso quer dizer, se concentrar em listar o seu negócio com nome, endereço, URL do site, e demais detalhes em diversas plataformas para que ele seja facilmente encontrado.

Agora que você sabe mais sobre o Machine Learning aplicado ao Marketing Digital, é importante ficar sempre atento para aproveitar o melhor que ele pode proporcionar para a sua empresa. O ideal é produzir conteúdos que ajudem um público específico da localização que você tem interesse em atingir.

 

Continue acompanhando o Blog da Projetual para mais novidades no mundo do Marketing Digital.