Marketing de influência - Projetual

“As empresas precisam entender que o desafio no mundo online não é influenciar as pessoas. É influenciar os diálogos entre as pessoas”, foi o que disse Mark Bonchek, autor de livros sobre marketing de influência na atualidade.

Na ocasião, Mark se referia às práticas que, na verdade, se relacionam às muitas estratégias do marketing digital: não se trata de obrigar o consumidor a prestar atenção no que você tem a dizer através de anúncios extravagantes, como muitas das estratégias do marketing off-line, mas de procurar maneiras de fazer com que ele voluntariamente crie confiança e desperte seu interesse na marca.

O marketing de influência é uma das práticas que faz isso. Consiste numa série de ações que buscam o contato com pessoas específicas, bem inseridas em seu meio e que podem formar opiniões, de forma a criar parcerias para estabelecer uma imagem positiva da marca.

Portanto, o artigo de hoje é sobre este tipo de marketing. Vamos explicar melhor como ele funciona, trazer opiniões de especialistas e exemplos de investimentos. Olha só.

O que é e como funciona o marketing de influência

No estágio em que estamos da era digital, já cansamos de ouvir verdades como “o consumidor está mais consciente e independente”. Sobre isso, o autor Mark Schaeffer explica melhor:

“Estamos num mundo em que as pessoas não confiam mais nas empresas, o que é particularmente acentuado na nova geração, nascida neste milênio. Eles só confiam em si próprios e no conteúdo que é compartilhado na web. É importante para a marca não apenas conquistar a conversa, mas conquistar as mentes e os corações das pessoas.”

No sentido de que hoje os consumidores vão por si próprios atrás de opiniões em que possam confiar, os influenciadores são pessoas que desempenham um papel bastante importante. Esses influenciadores são jornalistas, artistas, youtubers, blogueiros ou qualquer formador e representante de opinião que seja relevante e presente em um grupo segmentado.

No marketing de influência, as ações e estratégias vão visar justamente essas pessoas, pensando que a partir dela vão se ramificar maiores oportunidades de atingir uma fatia grande do público influenciado.

Amplitude da opinião

Dentro de um grupo – por vezes bastante grande -, um influenciador tem uma opinião assegurada e largamente aceita. Portanto, ao firmar uma parceria e estabelecer um relacionamento com esta personalidade, uma marca acaba tendo chances alta de fortalecer sua imagem.

A ideia geral do marketing de influência é, então, estabelecer, fortificar e comprovar o relacionamento com alguém influente. No caso de um youtuber, por exemplo, ele poderá falar ou usar a marca, seus produtos e serviços em seu canal, enquanto a marca em si também divulga a existência dessa parceria em seus canais – no estilo “olha só quem também optou pela nossa empresa”.

Tipos de influenciadores

Segundo Cassio Politi, que escreve para o portal Comunique-se, há uma forma simples de dividir os influenciadores:

  • Midiáticos: incluem jornalistas, autores, analistas e investidores que ainda tem relevância, mesmo que tenham criado seu nome ainda na era off-line;
  • Especialistas: são os influenciadores online, como blogueiras, youtubers, fashionistas, especialistas de mercado, entre outras pessoas que se expressam e suas opiniões ouvidas na internet;
  • Fãs influenciadores: usuários que se destacam em grupos mais específicos – geralmente menores -, mas que ainda garantem larga audiência.

O papel do Youtube

Cabe novamente falar do Youtube e seus criadores de conteúdo, que hoje garantem larga audiência, sustentados pelo fato de que hoje a plataforma de vídeos é a segunda rede social com maior número de usuários no mundo, depois do Facebook.

O Youtube também é o portal mais rentável para os criadores de conteúdo, sendo também aquele que mais possui produções fora o Tumblr, como já vimos aqui. Isso transformou o Youtube numa plataforma segura e desenvolvida para influenciadores, com garantias de que eles alcançam um público consideravelmente grande e possam realizar parcerias.

Marketing de Influência - Projetual
Youtubers seguem entre os principais influenciadores da internet. Imagem: Mídia Interessante.

Entre as categorias de vídeos mais assistidas no Youtube, o primeiro lugar se destaca bastante dentro dos conteúdos relacionados ao marketing de influência: review de produtos. Esta é a categoria mais popular do Youtube, segundo o site MediaKix.

Para a decisão de compra dos consumidores, os influenciadores podem ter papel decisivo, já que, segundo o Think with Google, mais de 60% dos consumidores atuais verificam review dos produtos na internet antes de adquiri-los. A divulgação destes produtos por parte dos influenciadores, claro, tem grande força sobre a opinião geral do público em relação àquela marca.

Investimentos em marketing de influência

Há algum tempo no mundo, e mais recentemente no Brasil, o marketing de influência é uma estratégia já estudada, garantida e aplicada.

A agência americana Linqia, estudando o mercado dos Estados Unidos e sua relação com os influenciadores digitais, constatou que, em 2017, 86% das empresas e agências de publicidade entrevistadas realizaram ações de marketing de influência. Dentre elas, 92% afirmaram que a estratégia foi eficaz e 39% pretendem aumentar seus investimentos.

No Brasil, a tendência acompanha e segue crescente. Por aqui, um estudo feito pelo YouPix verificou que 67% de seus entrevistados – cerca de 40 empresas com mais de 500 funcionários – afirmaram que o marketing de influência é relevante dentro de suas estratégias.

Analisando os últimos avanços, a Proxxima também alerta que união entre micro-influenciadores e grandes formadores de opinião tem se tornado eficaz.

No entanto, cabe a cada empresa analisar bem seu público, suas personas e sua jornada de compra, para estabelecer quais são os melhores agentes e criar as estratégias mais benéficas e rentáveis.

E aí, gostou do nosso artigo? Também explicamos Marketing de Influência no nosso Canal, acompanhe aqui o vídeo!

Se você quer continuar aprendendo sobre pontos importantes do marketing digital, siga acompanhando os canais da Projetual. Você também pode baixar nossos materiais gratuitos e ficar bem informado dos principais conceitos da área.

Até a próxima! 😉


Por redação Projetual, com informações de Comunique-se.