Messenger - Dados financeiros

Já faz algum tempo que o Messenger, aplicativo de mensagens do Facebook, procura se integrar com empresas e plataformas na busca de ser mais interativo e dinâmico. Agora, há grandes chances de a maior rede social do mundo utilizar chatbots para informar dados financeiros dos usuários diretamente no app.

Por enquanto, essa novidade não passa de um boato. No entanto, parece ser uma grande possibilidade, já que a porta-voz do Facebook, Elisabeth Diana, afirmou ao site TechCrunch que a rede está interessada em possibilitar o Messenger de notificar informações como saldo bancário, alertas de fraude e ajudas ao cliente.

Assim, a ideia de transformar o Messenger num mensageiro de dados financeiros seria mais uma solução do Facebook para criar interação entre empresas e usuários. Poderíamos até dizer que seria um passo para frente em estratégias de marketing omnichannel dos bancos.

O Facebook terá acesso aos nossos dados financeiros?

A notícia da possibilidade do Messenger ter acesso aos dados financeiros não foi bem recebida por várias pessoas. Por já estar sendo acusado de violação de privacidade, a ideia de que o Facebook poderia ter acesso aos dados financeiros das pessoas certamente não caiu bem.

No entanto, segundo a porta-voz do Facebook, a empresa não teria nenhum acesso às contas dos usuários, informações de cartão de crédito e outros dados sigilosos.

A ideia seria fazer com que o chatbot fosse um mero mensageiro dos bancos e outras companhias financeiras, mantendo os usuários informados em tempo real sobre atualizações básicas em suas contas e serviços requisitados. Na verdade, em Singapura, o Messenger já tem uma função semelhante com os usuários do banco Citibank.

Não, o Facebook não está morrendo

Recentemente, falamos aqui no blog sobre o que muitas pessoas pensaram nas últimas semanas: será que o Facebook estaria se tornando uma “causa perdida”? Depois de perdas astronômicas na bolsa de valores americanas, a rede social colocou vários de seus investidores em alerta.

A verdade é que não temos como prever o futuro das redes sociais, mas certamente investir no Facebook ainda vale a pena para as empresas.

Como muitos profissionais já falaram, os anúncios de Facebook Ads trazem um retorno simplesmente não visto em qualquer outra rede social. Segundo Erik Huberman, fundador da Hawke Media, investir no Instagram, por exemplo, não traz tantos retornos já que os usuários desta rede social não estão acostumados a clicar em anúncios.

Portanto, mesmo com críticas atuais ao Facebook, investir nesta rede social ainda é essencial para toda e qualquer empresa que queira ter uma boa presença online.

E a sua empresa, já possui uma força presença digital? Se você estiver a procura de dicas e soluções eficientes para aumentar os seus resultados, conte com a Projetual! Aplicaremos nossas melhores estratégias em marketing digital para ajudar a sua empresa.

Até a próxima!


Por redação Projetual, com informações de B9.