Rebranding, para o mundo do marketing, corresponde ao momento em que uma marca ou empresa muda seu visual e posicionamento perante ao mercado. O momento de embarcar nessa mudança nem sempre é facilmente percebido. Porém, se reposicionar muitas vezes é essencial para o desenvolvimento de um negócio.

Para atingir aquela tão sonhada meta, as vezes é necessário compreender o momento de realizar uma ação de rebranding, adaptando a comunicação de uma empresa para novos objetivos. Com isso em mente, preparamos um material para te ajudar a identificar esses momentos. Confira!

Porque optar por um Rebranding

Um processo de rebranding pode ser fundamental para dar continuidade a um sucesso prévio ou até para angariar um novo prestígio. Além disso, nossa sociedade está em constante mudança, por exemplo, algumas famosas propagandas antigas, que foram um sucesso no passado, se apresentadas hoje seriam vistas como de extremo mal gosto.

Nesses contextos, o rebranding entra como uma estratégia-chave essencial para a marca continuar em destaque no mercado. Se atualizar afim de corresponder aos estilos, cores e design contemporâneos é uma boa maneira de continuar sempre a frente dos concorrentes.

Quando é a hora de mudar?

Existem alguns sinais para saber quando o rebranding de uma marca é necessário. Alguns deles são:

  • A marca passou por uma modificação na missão original, ou filosofia, da companhia;
  • O concorrente possui estratégias de branding mais eficientes;
  • A marca tem problemas de aplicabilidade;
  • A marca não possui um posicionamento claro;
  • Quando o negócio não está deslanchando;
  • A marca deseja se expandir para novos mercados;

Como você pode ver, o rebranding pode ser usado tanto para atualizar uma marca que ficou ultrapassada, ou quando há a necessidade de transformar a identidade dela, e como consequência, a visão que as pessoas têm dela, indo muito além do que apenas a identidade visual.

Como fazer?

Muitas pessoas associam rebranding apenas ao desenvolvimento do logotipo de uma marca, mas na realidade sua aplicação vai muito além disso. Um rebranding pode influenciar no posicionamento de sua empresa, na gestão constante de como desenvolve seus negócios de acordo com suas estratégias (missão, visão e valores), na forma de produção e comercialização de seus produtos ou serviços, ou até no pós-vendas.

Então, antes de colocar a mão na massa, você precisará fazer uma reflexão sobre sua empresa como um todo , sua atual identidade, suas forças, fraquezas e quais são os objetivos da mudança. Quais são os principais valores da sua marca? Como você se destaca dos seu concorrente? Qual o principal fator que faz seus clientes te escolherem? A sua nova marca deve refletir esses pontos e realçar o que vocês têm de melhor.

Não tenha medo de identificar e agir sobre seus erros. Aponte uma solução para eles e certifique-se de que, quando a nova marca entrar em cena, esses equívocos também ficarão no passado. O rebranding não se trata apenas de da identidade visual, devendo sempre incluir uma evolução de atitude para a empresa.

VE aí, será que está na hora de sua organização mudar? Entre em contato conosco e tire suas dúvidas de como realizar esse processo! Estamos no Facebook, Instagram e Linkedin! Veja também os benefícios que uma campanha de endomarketing pode trazer para sua empresa.