Remarketing Projetual

Quem investe em marketing digital sabe da existência do Google Ads, antigo Google Adwords. Ele é, basicamente, uma das principais ferramentas para anunciar na internet, e o remarketing faz parte dele.

Desde que foi criado há alguns anos, o remarketing é um recurso bastante famoso, utilizado por inúmeras empresas de e-commerce e que certamente já atingiu você. Vamos explicar como ele funciona.

Você certamente já o conhece

Quando alguém utiliza algum mecanismo de busca para buscar algo na internet, um rastro é deixado na rede em forma de Cookie no navegador. Depois disso, o Google Remarketing trabalhará para mostrar a ele anúncios relacionados ao conteúdo da busca do usuário.

Em outras palavras, os anunciantes pagam para que o Google exiba aos usuários um determinado anúncio de produto ou serviço. O Google “faz o meio de campo”, mostrando para o usuário algum anúncio relacionado a sua busca.

Certamente já aconteceu com você, caro leitor, de pesquisar alguma coisa como “tênis” ou “camiseta” no Google ou em algum site de vendas e logo após ser impactado por uma série de anúncios destes mesmos itens. Bem, esse é o remarketing.

Para os anunciantes, existe a extrema vantagem de ter seus anúncios veiculados de formas direcionadas, para pessoas que possivelmente já vão se interessar de cara por aquele produto ou serviço.

Remarketing - Projetual
As propagandas de canto de página são geralmente trabalhadas com remarketing. Imagem: ElPaís.

Diferentes modalidades de remarketing

Vale a pena explicar as diferentes formas de veicular os anúncios, que são basicamente duas: a Rede de Pesquisa e a Rede de Display.

A Rede de Pesquisa são aqueles anúncios que ficam em primeiro lugar dos resultados nas buscas do Google, ou seja, são anúncios mostrados diretamente na página da pesquisa. Já a Rede de Display é composta por diversos sites, blogs e redes sociais parceiros do Google, que exibem os anúncios contratados pela empresa.

Também é possível fazer remarketing no Facebook e Instagram através de ferramentas próprias para isso, como Perfect Audience e AdRoll. Nas redes sociais, o processo é semelhante a Rede de Display.

Saber qual destas modalidades é mais interessante para uma empresa em questão depende dos fatores que compreendem qualquer anúncio: considerar o público-alvo, as estratégias de cada campanha, o tipo de produto ou serviço oferecido e qual o melhor retorno possível em cada modalidade.

O mais importante de tudo é que toda empresa que possua um e-commerce pode fazer remarketing atualmente.

Se a sua empresa está interessada em investir nesta ferramenta estratégica, converse com a Projetual. Podemos te explicar mais detalhadamente as vantagens do remarketing, mostrando exemplos de como sua empresa pode ser ajudada.

Conte com a gente! 😉


Por redação Projetual, com informações de RD.